Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de InvestimentosPPI

Leilão da PPP de iluminação publica de Campinas (SP) consegue desconto de 63% em relação ao preço de referência

Home > Notícias > Leilão da PPP de iluminação publica de Campinas (SP) consegue desconto de 63% em relação ao preço de referência

30 de novembro de 2021

Leilão da PPP de iluminação publica de Campinas (SP) consegue desconto de 63% em relação ao preço de referência

Parceria Público-Privada prevê a modernização, ampliação, operação e manutenção do parque de iluminação de Campinas, que tem cerca de 122 mil pontos de luz, durante os próximos 13 anos (Foto: Cauê Diniz)

O Consórcio composto pelas empresas Tecnoluz e Nexway, venceu o certame com oferta de contraprestação mensal de R$ 1.250.020,00, deságio de 63%
 
Em uma concorrência acirrada, foi realizado nesta segunda-feira (29/11), o leilão promovido pela Prefeitura de Campinas (SP), para a concessão de serviços de iluminação pública do município. O consórcio Ilumina Campinas, representado pelas empresas Tecnoluz e Nexway, venceu a concorrência com oferta de R$ 1,250 milhões e deságio de 63% do valor proposto no edital. 

O projeto tem o apoio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), a coordenação da Secretaria Especial do Programa de Parcerias e Investimentos do Ministério da Economia (SEPPI), o assessoramento da CAIXA e do International Finance Corporation (IFC), vinculado ao Grupo Banco Mundial (World Bank Group), que traz a experiência internacional na estruturação de projetos de Concessão e PPPs.

A estruturação do projeto foi custeada com recursos do Fundo de Estruturação de Projetos (FEP), administrado pela CAIXA, e do Global Infraestructure Fund (GIF), do Grupo Banco Mundial.  
 
A celebração de contrato de concessão prevê a modernização, ampliação, operação e manutenção do parque de iluminação, que tem cerca de 122 mil pontos de luz, durante os próximos 13 anos.
 
Representando o Ministério da Economia, o Diretor do Programa de Parcerias de Investimentos, Manoel Renato Machado Filho, afirmou que a agenda de iluminação pública foi escolhida pelo Governo como um dos setores prioritários para as concessões. 
 
“São inúmeros os benefícios aplicados neste projeto, a começar pela economia de 64% no consumo de energia do parque de iluminação publica, a substituição das lâmpadas com tecnologias poluentes (vapor de mercúrio)  por lâmpadas de LED, a melhoria da qualidade da iluminação, aumentando a sensação de segurança das pessoas e promovendo uma melhor apropriação dos espaços públicos pelos cidadãos, além da melhoria da gestão do parque pelo poder público,  proporcionada pelo estabelecimento de indicadores de qualidade na prestação dos serviços pelo Concessionário”, afirmou o Diretor Manoel. 
 
A Vice-Presidente do Agente Operacional dos projetos FEP da Caixa, Heriete Barnabe, afirmou que os projetos FEP possuem um amplo alcance de benefícios relevantes para a sociedade. “A Caixa é gestora de mais de 20 fundos de investimentos do Governo e o FEP é um dos mais importantes para a sociedade brasileira. Esse momento representa mudanças significativas de oportunidades no país através dos investimentos em PPPs”, considerou.  
 
Já a Secretária Nacional de Mobilidade e Desenvolvimento Regional e Urbano do MDR, Sandra Holanda, celebrou mais um projeto entregue.  “Estamos sendo frequentemente desafiados para fazer acontecer as diretrizes da nossa Política Nacional de Desenvolvimento Regional. Este modelo tem se mostrado comprovadamente eficaz para que nós consigamos viabilizar as diretrizes de políticas públicas”, disse Sandra.  
 
O prefeito de Campinas, Dário Saadi reafirmou o compromisso em levar mais desenvolvimento para a cidade. Esse deságio de mais de 60% mostra que, além do sucesso de tramitação, tivemos também um resultado econômico muito importante. Isso vai representar uma economia de recursos para a cidade de Campinas e uma melhora em iluminação pública, segurança e sustentabilidade”, afirmou Dário Saadi. 
 
Clique aqui e assista ao vídeo do leilão.

Galeria

Parceria Público-Privada prevê a modernização, ampliação, operação e manutenção do parque de iluminação de Campinas, que tem cerca de 122 mil pontos de luz, durante os próximos 13 anos (Foto: Cauê Diniz)

Parceria Público-Privada prevê a modernização, ampliação, operação e manutenção do parque de iluminação de Campinas, que tem cerca de 122 mil pontos de luz, durante os próximos 13 anos (Foto: Cauê Diniz)

Leia outras notícias

  • Conselho do PPI recomenda qualificação dos Leilões de Instalações de Transmissão de 2022

    Continue lendo
  • Oferta Permanente: aprovadas as inscrições de mais nove empresas, totalizando 78

    Continue lendo
Acesso à Informação
Governo do Brasil