Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de InvestimentosPPI

Assinado o contrato de concessão dos serviços de apoio à visitação da Floresta Nacional de Canela, no Rio Grande do Sul

Home > Notícias > Assinado o contrato de concessão dos serviços de apoio à visitação da Floresta Nacional de Canela, no Rio Grande do Sul

25 de novembro de 2021

Assinado o contrato de concessão dos serviços de apoio à visitação da Floresta Nacional de Canela, no Rio Grande do Sul

Assinado o contrato de concessão dos serviços de apoio à visitação da Floresta Nacional de Canela, no Rio Grande do Sul

O Governo Federal realizou nesta quarta-feira (24/11), cerimônia para a assinatura do contrato de concessão dos serviços de apoio à visitação da Floresta Nacional de Canela, localizada no município de Canela, no estado do Rio Grande do Sul. O evento foi realizado no Ministério do Meio Ambiente e contou com a participação do Ministro Joaquim Leite, de representantes do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBIO) e do Consórcio vencedor da licitação. 

O projeto, qualificado no Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), prevê mais de R$ 9 milhões de reais em investimentos já nos primeiros dois anos da concessão e mais de R$ 84 milhões em recursos para a operação e manutenção do parque ao longo dos próximos 30 anos em que o concessionário será responsável pela prestação dos serviços públicos de apoio à visitação, conservação e  proteção da área,  além de incentivar o turismo ecológico e sustentável.

O Secretário de Áreas Protegidas do MMA, André Germanos, afirmou que a assinatura do contrato é um passo importante para o programa de concessões do Governo Federal. “É mais um contrato que mostra que o programa vai avançando de maneira robusta, com novos concessionários e trará empregos e investimentos verdes para o estado do Rio Grande do Sul”, afirmou o Secretário. 

A Secretária Especial do PPI, Martha Seillier, celebrou a quinta unidade de conservação licitada na agenda de concessões do MMA. “Estamos comemorando a vinda de quase R$ 100 milhões de novos investimentos. Vamos desenvolver novos investimentos em turismo sustentável para que as pessoas venham conhecer esse parque e utilizem os recursos para preservar esse importante patrimônio”, afirmou Seillier. 

Floresta Nacional de Canela

A Floresta Nacional de Canela possui área de 557 hectares, com altitudes que variam de 740 a 840 metros, e tem vocação para o turismo de aventura. A unidade está localizada num polo turístico consolidado nacionalmente – a Serra Gaúcha – que recebe cerca de seis milhões de turistas ao ano, próxima dos municípios de Canela e Gramado. 

Com a assinatura do contrato de concessão, o concessionário fica responsável pela revitalização, modernização, operação e manutenção das áreas de uso público da Floresta Nacional, bem como por serviços de apoio aos turistas, incluindo alimentação, estacionamento e segurança.

Leia outras notícias

  • Conselho do PPI recomenda qualificação dos Leilões de Instalações de Transmissão de 2022

    Continue lendo
  • Oferta Permanente: aprovadas as inscrições de mais nove empresas, totalizando 78

    Continue lendo
Acesso à Informação
Governo do Brasil